HOME  |  CLASSIFICADOS   |  GUIA COMERCIAL   |  AGENDA   |  FOTOS   |  VÍDEOS   |  ANUNCIE AQUI

Confira 6 novos produtos da Realize Top lançados no mês de junho

Já estamos na metade do ano acredita? E queremos mostrar as novidades que pintaram por aqui durante o último mês. Por isso, confira 6 novos produtos da Realize Top lançados…

Confira 7 novidades de produtos da Realize Top do mês de Maio

O mês de junho já chegou e com ele vamos trazer as novidades que surgiram durante o mês passado. Mais uma vez lançamos produtos que foram solicitados por vocês, mas…

Salão de Beleza: 5 dicas de produtos para você vender e lucrar mais

Nas últimas duas décadas, o setor de cosméticos e beleza no Brasil veio crescendo a uma taxa anual de no mínimo 10%. De acordo com a Euromonitor Internacional, o Brasil…

10 motivos para você se apaixonar por produtos no Dia dos Namorados

O Dia dos Namorados é comemorado em 12 de junho no Brasil. É muito comum, nesta data, a troca de cartões postais e presentes especiais, pelos casais que aproveitam para…

PVC transparente: um novo visual para seu cartão de visita!

O uso de cartões de visita com PVC transparente para a troca de contatos profissionais tem sido cada vez mais comum. Não é para menos, já que o material, com…

Embalagens criativas: inovar faz parte do sucesso!

Quando você compra um produto qualquer ou um lanche, ou quando ganha um presente, a primeira coisa que vê é a embalagem, certo? Então que tal investir em embalagens criativas…
Política

Política (5)

Quarta, 14 Março 2018 13:24

Vereador trabalho isso mesmo "Rafael Tanzi"

Escrito por

Vereador Rafael Tanzi agradece infraestrutura de esgoto em Maylasky

 O vereador Rafael Tanzi esteve em Maylasky para acompanhar os trabalhos finais da infraestrutura para coleta e captação de esgotos do distrito, realizado pela Sabesp para evitar o despejo irregular de detritos em rios e córregos da região. 

 “Esta é uma reivindicação antiga da população do distrito e desde o começo do meu mandato vinha cobrando sua finalização à Sabesp por saber que a rede de esgoto além de melhorar a qualidade de vida da região, também diminui a poluição nos córregos e rios da região, preservando o meio ambiente, e por tudo isso eu agradeço”, explica Rafael Tanzi.

 O trabalho começou a ser feito nos Bairros Vinhas do Sol, Jardim do Sol, Bosque do Sol, Ponta Porã algumas áreas da Vila Caparelli e área central, mas todo Distrito já está sendo mapeado para também receber as melhorias, segundo a Sabesp.

Prefeitura instaura processo de rescisão do contrato de concessão do transporte público municipal

 

Em decorrência da conclusão do trabalho de fiscalização, finalizado em fevereiro de 2018, o prefeito Claudio Góes determinou a abertura do processo administrativo de rompimento do contrato de concessão do transporte público mantido com a concessionária Viação São Roque.

A fiscalização apontou irregularidades, como:  paralisações, excesso de quebra de veículos ou mau estado de conservação, desrespeito as linhas definidas, aos horários pré-estabelecidos, a idade média dos veículos, enfim tudo a comprometer a qualidade, pontualidade, conforto e principalmente a segurança dos usuários.

A prefeitura informa que a medida foi motivada em razão do descumprimento das cláusulas contratuais e do TAC e que a concessionária foi notificada para manifestação.  Neste período o serviço de transporte público não poderá ser paralisado.

Na última semana a Justiça do Estado condenou o ex-prefeito de São Roque, Daniel de Oliveira Costa (PMDB) e mais dois empresários da cidade em uma ação por improbidade administrativa na compra de 100 playgrounds ao custo  R$ 10 milhões e 600 mil.

Durante essa semana Daniel se pronunciou sobre o caso em nota enviada a imprensa. A investigação da compra milionária dos equipamentos para recreação escolar foi concluída que o prefeito teria cometido irregularidades na compra dos brinquedos. Na decisão, o juiz Roge Naim Tenn, afirma que a pesquisa de preços dos playgrounds foi elaborada de maneira notoriamente enviesada. “Foram consultadas empresas intermediárias em vez de fabricantes, houve registro de preços de um número de aparelhos muito maior do que o número de escolas infantis do município, entre outras irregularidades” afirma.

O ex-prefeito com a condenação terá de pagar o dano causado ao município além de ter seus direitos políticos suspensos por cinco anos. A empresa participante da licitação (empresários) também deverão restituir os cofres públicos e pagar multa civil equivalente ao valor do dano, além de estarem proibidos prestarem serviços ou serem contratados pelo Poder Público e até mesmo receber benefícios como incentivos fiscais ou creditícios por cinco anos.

Em comunicado o ex-prefeito brevemente disse que o o calaram e afirma que irá recorrer da decisão.

Esse processo ainda cabe recursos, e eu creio que justiça será feita, mas moralmente tenho minha consciência tranquila acima de tudo.
A administração pública nos proporciona a condição do fazer, e tudo que fazemos da forma correta, dentro da legalidade estabelecida em lei, a responsabilidade recai sobre nós.  Situações como essa são motivos que fazem com que pessoas de bem, e com ótimos projetos se afastem da vida pública.

Lamento muito a desinformação que a população tem recebido através da mídia e deixo claro que não serão fatos como esse que farão com que eu me cale.
Sou de costumes simples, não vivo do passado, muito menos de ostentação. Ao contrário do que propagaram, que estaria me mudando de São Roque, portanto continuarei com minhas atividades públicas, profissionais e sociais por aqui mesmo. Tenho muito orgulho da atividade que exerci no cargo de Prefeito, e procurei exercer de maneira justa e igualitária, sem segregar qualquer cidadão, seja qual fosse sua condição social, fazendo tudo com muita responsabilidade e zelo.

Procurado pelo Correio do Interior os empresários não quiseram se manifestar sobre o assunto.

Reportagem Correio do Interior

Segunda, 26 Fevereiro 2018 11:57

Temer deve deslocar Jungmann da Defesa para Segurança

Escrito por
  • O ministro foi cogitado desde o início, mas o emedebista ainda tinha a perspectiva de encontrar uma alternativa de fora - RAPHAEL ALVES/AFP

Com dificuldades de encontrar um nome de peso, o presidente Michel Temer deve optar por uma solução caseira e deslocar o ministro da Defesa, Raul Jungmann, para o comando do novo Ministério da Segurança Pública. 

O ministro foi cogitado desde o início, como mostrou a reportagem, mas o emedebista ainda tinha a perspectiva de encontrar uma alternativa de fora, que não o obrigasse a ter de escolher um nome para o Ministério da Defesa, pasta considerada delicada. 

Como assumiu protagonismo nas discussões sobre o tema, a expectativa do Palácio do Planalto é de que Jungmann seja bem aceito pelos governadores do País e que facilite a aprovação da nova pasta, por meio de medida provisória, pelo Congresso Nacional. 

O presidente chegou a avaliar os nomes do ex-secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro José Beltrame e do ex-ministro da Defesa Nelson Jobim para a nova pasta, mas eles teriam demonstrado resistência. Agora, o presidente busca um nome de um civil para assumir o Ministério da Defesa. 

Em reunião na noite deste domingo (25), no Palácio do Jaburu, o emedebista decidiu que a nova pasta será criada por meio de uma medida provisória, não de um decreto. No encontro, o presidente ressaltou que o texto da medida provisória irá vincular à nova pasta o comando da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária, Força Nacional e do Departamento Penitenciário. 

Ao todo, além do posto de ministro, serão instituídos mais dez cargos: um secretário-executivo e nove assessores ministeriais. O restante será transferido do Ministério da Justiça. A criação da pasta faz parte de estratégia do presidente de se viabilizar eleitoralmente para uma reeleição neste ano. 

Uma pesquisa interna feita pelo MDB mostrou que a segurança pública é um dos temas que mais preocupam os brasileiros na disputa presidencial. 

Com esse objetivo, a equipe de marketing do presidente pretende reforçar um perfil linha-dura, aproximando-o mais do campo da direita. A ideia é que ele apareça mais em fotos ao lado de soldados e generais e que adote um discurso mais enérgico.

Reportagem Jornal Cruzeiro do Sul

Deverá ser votado nesta segunda-feira na Câmara de vereadores de São Roque, um projeto de lei do parlamentar José Luiz (PR), que busca derrubar uma lei que impede que vereadores e ex-candidatos políticos da cidade dos últimos quatro anos assumam cargos comissionados no poder executivo.

Essa não é a primeira vez em que o vereador apresenta a proposta de vetar a lei aplicada em 2013, sob o número 4.099.

Antes mesmo de chegar a essa segunda-feira no qual será votada às 18h, a Comissão Permanente de Constituição, Justiça e Redação deu um parecer contrario ao projeto de José Luiz, sendo rejeitado por 13 dos 15 vereadores.

Reportagem Correio do Interior

Músicas mais tocadas 2018

Desfile Beija Flor 2018

Paredão no BBB18

© 2018 Portal de Notícias Aqui Tem Tudo São Roque - Todos os direitos reservados